Explosão no Rio mata cinco pessoas e deixa 13 feridas

Pelo menos cinco pessoas morreram e 13 ficaram feridas após uma grande explosão num conjunto habitacional no bairro Fazenda Botafogo, às margens da Avenida Brasil, no Subúrbio do Rio de Janeiro, pouco depois das 5h desta terça-feira (5).

Segundo as primeiras informações da Defesa Civil, o acidente foi causado por um vazamento na tubulação de gás da CEG, a concessionária fornecedora de Gás do Rio de Janeiro, em um dos prédios do conjunto. Os apartamentos do pavimento térreo do bloco onde houve a explosão ficaram totalmente destruídos e outras unidades, inclusive de prédios vizinhos, também foram afetadas.

O cenário no local da explosão é de destruição, com escombros espalhados por todos os lados. Mas, de acordo com a Defesa Civil, a vistoria inicial feita no edifício mostrou que não há risco de desabamento da estrutura. Os Bombeiros e a Defesa Civil continuam trabalhando no local. A área foi isolada.

Major do Corpo de Bombeiros e presidente da Comissão de Defesa Civil da Câmara Municipal, o vereador Márcio Garcia (Rede) fez críticas ao trabalho de prevenção da CEG. “É lamentável que numa cidade da importância do Rio de Janeiro vidas humanas ainda sejam sacrificadas em desastres tão previsíveis. A CEG poderia e deveria ter agido para evitar essa tragédia”, afirmou o parlamentar.

>> Feridos em explosão são encaminhados para três hospitais no Rio

Com Agência Brasil