Enterrado jovem esfaqueado ao tentar separar briga na Tijuca

Luís Gustavo Oliveira da Silva, 20 anos, assassinado ao tentar separar uma briga, na Tijuca, na Zona Norte do Rio, na noite de sexta-feira, foi enterrado na tarde de ontem, no Cemitério do Caju, na Zona Portuária do Rio. 

Na despedida ao jovem esfaqueado na Rua Afonso Pena após assistir ao jogo do Brasil no Alzirão, amigos e parentes entoaram cantos do Flamengo, time do coração do rapaz, sob aplausos, e pediram Justiça, sob  intensa comoção.