Hemorio lança campanha para doação de sangue no Carnaval

A 12ª edição da campanha "Vista a Fantasia da Solidariedade", iniciou nesta quinta-feira (22), na sede do Hemorio, com a presença do secretário de Saúde, Felipe Peixoto, da bateria da Escola de Samba Unidos de Vila Isabel e da corte do Carnaval, formada pelo Rei Momo, Rainha e princesas, além da porta-bandeira da Escola de Samba Beija-Flor de Nilópolis. A campanha tem como madrinhas as rainhas de bateria Sabrina Sato e Viviane Araújo. As ações têm como objetivo reforçar os estoques de sangue para o Carnaval, época em que historicamente há uma queda de pelo menos 50% no número de doações voluntárias.

O secretário de Estado de Saúde, Felipe Peixoto, além de prestigiar a campanha também aproveitou para doar sangue no local. "Na época do Carnaval as doações caem muito e é justamente nesse período em que a demanda aumenta. Sempre doei sangue e incentivo as pessoas a fazerem o mesmo, pois é um gesto de amor que ajuda a salvar vidas", disse o secretário. 

A porta-bandeira da Beija Flor, Selminha Sorriso, ressaltou que os foliões não devem esquecer de contribuir para a causa. "Carnaval é sinônimo de alegria e de solidariedade. Dá para viajar, se divertir e ainda reservar um momento para doar sangue.  Não podemos esquecer de fazer nossa contribuição e ajudar as pessoas", afirmou.

O Hemorio abastece com sangue e derivados cerca de 200 unidades de saúde conveniadas ao Sistema Único de Saúde (SUS) e poderia receber o dobro de doações que recebe atualmente. Hoje, no Brasil, apenas 2% da população doa sangue com regularidade. O recomendado pela Organização Mundial de Saúde é de 5%.

De acordo com a diretora geral do Hemorio, Simone Silveira, o apoio das escolas de samba tem sido muito importante para a continuidade do sucesso da campanha. "Desde que a ação foi criada, há doze anos, temos conseguimos manter os estoques para este período, que é crítico.  E, a cada ano, buscamos mais parcerias para que o "Vista a Fantasia da Solidariedade" cresça", lembrou a diretora.

Twibbon para perfis na web - A campanha "Vista a fantasia da solidariedade" também está nas redes sociais. O Hemorio criou uma imagem gráfica da máscara de carnaval, que é o símbolo da campanha, para que internautas possam colocar o adorno em suas fotos de perfis na internet e, literalmente, "vestir a máscara". A imagem está disponível no site twibbon.com.

Quem pode doar sangue? - Para ser um doador de sangue, o voluntário precisa estar bem de saúde, deve trazer um documento oficial de identidade com foto, ter entre 16 e 68 anos e pesar mais de 50 quilos.  Não é necessário estar em jejum.  O candidato deve somente evitar alimentos gordurosos nas 4 horas que antecedem a doação e as bebidas alcoólicas 12 horas antes.  Jovens com 16 e 17 anos só podem doar com autorização dos pais ou responsáveis.  O modelo da declaração pode ser adquirido através do site do Hemorio - www.hemorio.rj.gov.br.

O Hemorio é o hemocentro coordenador do Estado do Rio de Janeiro, que abastece com sangue e derivados cerca de 200 unidades de saúde, entre elas, as grandes emergências, maternidades e UTIs.  No Rio de Janeiro, ainda há mais 25 unidades de coleta de sangue coordenados tecnicamente pelo Hemorio como o Hospital Universitário Pedro Ernesto, em Vila Isabel; Hospital Geral de Bonsucesso e o Instituto Nacional de Cardiologia, em Laranjeiras.  Os endereços e horários de funcionamento dos postos podem ser obtidos através do Disque Sangue (0800 282 0708) que esclarece outras dúvidas e agenda a doação com hora marcada.

O Hemorio fica na Rua Frei Caneca, 08 - Centro, ao lado do Campo de Santana e funciona todos os dias (inclusive sábados, domingos e feriados), das 7 às 18 horas.