Jardineiro salvou menina antes de ser soterrado em Petrópolis 

Até o início da tarde, número de mortos subiu para 21

Um dos responsáveis por ajudar a salvar vidas na madrugada de segunda-feira (18), o jardineiro Milton Pereira, 44 anos, foi sepultado na manhã desta terça-feira (19) no Cemitério Municipal de Petrópolis. Segundo familiares, Milton tinha acabado de resgatar uma menina, quando foi surpreendido por uma avalanche de terra. A casa da família onde ele estava desabou e o jardineiro não teve tempo de correr.

"Ele era uma pessoa que gostava muito de ajudar os outros. Quando ele soube do resgate, correu para ajudar. Só que quando resgatou uma menina, não conseguiu sair mais. Já era tarde e meu irmão ficou para trás", lembrou Nelson Pereira, 57 anos o irmão da vítima.

Na capela do Cemitério Municipal há seis velórios marcados para esta terça-feira (19). Um dos agentes da Defesa Civil de Petrópolis, que não conseguiu escapar do deslizamento, Paulo Roberto Filgueiras, vai ser cremado às 16h.

>> Petrópolis tem 15 mil em área de risco e prefeito tem projeto para apenas 164

>> Petrópolis: criança de 12 anos morreu durante comemoração de seu aniversário

O número de mortos em decorrência das fortes chuvas que atingiram Petrópolis, na região serrana do Rio de Janeiro, subiu para 21. A vítima mais recente é uma criança encontrada morta na localidade do Espírito Santo, no bairro Quitandinha.

As mortes ocorreram em Quitandinha, Doutor Thouzet, Alagoas, Lagoinha, Bingen e Independência. Outras duas pessoas resgatadas com vida não resistiram e morreram no hospital. 

Reconstrução do Centro Histórico

Na manhã desta terça-feira (19), o que se vê nas ruas da cidade é muita lama e lixo, inclusive nas principais vias, como Rua do Imperador, Rua Teresa e Coronel Veiga. Também são feitas ações  emergenciais para limpeza e remoção de terras, galhos e entulho de vários bairros prejudicados pelo temporal. O número de ocorrências registradas pela Defesa Civil subiu para 368. 

Os rios Piabanha e Quitandinha continuam em alerta máximo, sob risco de transbordamento em alguns pontos do Centro Histórico. Já o número de pessoas alojadas nos 18 pontos de apoio somam 560, ou cerca de 140 famílias. O índice pluviométrico do bairro Quitandinha, o mais atingido, chegou a 428 milímetros nas últimas 24 horas, quase o dobro do esperado para o mês inteiro.

Noventa e uma pessoas, entre voluntários e funcionários da Defesa Civil, estão pelas ruas auxiliando nas vistorias das ocorrências. Além disso, cerca de 250 bombeiros do Estado atuam na cidade. O prefeito também determinou, desde a madrugada de hoje, a criação de uma força tarefa com a contratação de mais 500 pessoas para uma frente emergencial de trabalho.

Pontos de apoio às vítimas

- E. M. Odette Fonseca (Duques)

- Igreja N. S. Aparecida (Quitandinha)

- CEI Chiquinha Rola Rua Campos (Quitandinha)

- E.M. Stefan Zweig (Rua Amazonas)

- E. M. Governador  Marcelo Alencar (Quitandinha)

- Escfola Bom Jesus (Dr. Thouzet)

- Escola M.João Paulo II (São Sebastião)

- Escola N. S. da Glória (Morin)

- Escola Paula Saldanha (Estrada da Saudade)

- PSF Estrada da Saudade (Estrada da Saudade)

- E.M. Ana Mohamed (Sargento Boening)

- E.M. Augusto Mechick (24 de Maio)

- PSF Vila Saúde (Quitandinha)

- Esc. Geraldo Ventura Dias (Meio da Serra)

- PSF Valparaíso (Chapa 4 – Valparaíso)

- Escola Rosalina Nicolay (Siméria)

- Colégio Princesa Isabel (Quitandinha)

- Igreja São Jorge (João Xavier – Bingen)

- Esc. M. Ver. José Fernandes (Alto da Serra)

- CIEP - Santos Dumont (Alto Independência)

- Igreja Metodista (Alto Independência)

- Escola Rosa (Independência)

- E. M. Rubens de Castro (Alto da Serra)

- Escola Paroquial N. S.do Carmo (Atílio Marotti)

- E. M. Josemar Contage (Corrêas)

- E.M. João Ventura Dias (Meio da Serra)

- E. M. Senador Mario Martins (Caxambu)

Vítimas internadas

(Hospital Santa Teresa -todas as vítimas são politraumas) 

Lucimar de Sá e Silva – 42 anos – Internada – Estável

Juliane Cristina de Almeida – 27 anos – Internada – Estável

Marcelo da Silva Moura – 42 anos – Internado – Estável

Geraldo Maurício – 53 anos – Internado – Estável

Paulo Vinícius Mattos – 50 anos – Internado – Estável.

Maria Aparecida Rodrigues – 45 anos – Internada – Estável

Adriano Jorge Barbosa de Oliveira – 15 anos – Internado – Estável

Rondineli Santana Castro – 39 anos – Internado – Estável

Liliane Pereira da Silva – Idade não informada – Está no CTI – Estado Grave.

Ricardo Correa – 46 anos – Está no CTI – Estado Grave.

Carlos Andre de Paulo Rodrigues – 06 anos – Internado – Estável.

Rodrigo Oliveira – Idade não informada - Está no Centro Cirúrgico – Ainda não há evolução médica.

Drucilaine Alves – Idade não informada – Está no CTI – Estado Grave.