Cabeça d'água provocou alagamentos na Baixada Fluminense

O secretário municipal da Defesa Civil de Duque de Caxias, Marcelo Silva Costa, informou ao Bom Dia Rio que os alagamentos ocorridos esta madrugada na Baixada Fluminense foram provocados por uma cabeça d'água, fenômeno que é ligado a uma enchente rápida no rio.

O distrito de Xerém, em Duque de Caxias, foi o mais atingido pelo temporal. Foi confirmada a morte de uma pessoa. Trata-se de um homem, ainda não identificado, cujo corpo foi encontrado na praça central da cidade.

"Chegamos à conclusão que foi uma cabeça d’água, desencadeando uma enxurrada brusca que trouxe uma grande avalanche de terra, árvores, pedras até as casas que estavam no beira-rio”, diz Marcelo Costa.

O secretário pediu que a população mantenha a calma, procure  locais seguros e evite ficar dispersa na rua. Cerca de 200 pessoas estão desalojadas, em Xerém. 

>> Chuva forte causa problemas em vários municípios do Rio de Janeiro