Coleção de arte milionária pode ter sido perdida em incêndio no Rio 

O apartamento incendiado na noite desta segunda-feira em Copacabana, na Zona Sul do Rio de Janeiro, pertence ao colecionador de arte e artista plástico romeno Jean Boghici. Dentro do imóvel se encontrava uma das maiores coleções do país. 

Ainda não se sabe a extensão do prejuízo e se alguma peça foi queimada, mas havia, entre outras obras, quadros de Di Cavalcanti e Tarsila do Amaral, segundo informações do Jornal da Globo.

>> Incêndio em prédio interdita a Rua Barata Ribeiro, em Copacabana

O incêndio no apartamento, um duplex localizado na Rua Barata Ribeiro, começou por volta das 18h. Aproximadamente às 21h as chamas já haviam sido controladas. 

O acervo do artista é avaliado em milhões de reais. Entre as peças que estavam no imóvel, destacam-se o óleo Samba, de Di Cavalcanti, considerado uma das maiores obras do pintor, além de Sol Poente, de Tarsila do Amaral.