Lei Seca: agentes farão campanha de conscientização em desfiles de blocos

A Operação Lei Seca preparou um esquema especial de ações de conscientização para o período do Carnaval no Rio de Janeiro. A campanha começa neste fim de semana (11 e 12/02), durante os desfiles dos blocos cariocas, com a presença dos homens-balão – pessoas vestidas com o balão característico da operação – que irão distribuir ventarolas (leques de papel rígido) e adesivos com a marca do projeto, além de conversar com os foliões sobre os perigos de dirigir alcoolizado.

Em cada dia de ação, duas equipes com 11 promotores de eventos ficarão em diferentes pontos do mesmo bloco carnavalesco. Além dos homens-balão, cadeirantes também estarão no local ajudando a divulgar o trabalho de conscientização da Operação Lei Seca. Serão seis dias de atuação nos principais blocos da cidade. 

A bola inflável, característica da Operação Lei Seca, também estará nos blocos de Carnaval, sendo jogada para a multidão. Além destas medidas, o balão de ar quente, utilizado durante as festas de fim de ano, também aparece durante o Carnaval. Preso por cordas ao solo, ele subirá aproximadamente 40 metros de altura (equivalente a um prédio de 12 andares) e vai funcionar dos dias 17 a 21 de fevereiro, das 17h às 23h. A equipe da Lei Seca montará o balão numa área isolada de 50 x 50 metros na orla de Copacabana, em frente à rua Princesa Isabel. Depois do voo gratuito, com capacidade para até três pessoas por viagem e duração média de três minutos, os participantes ganharão uma camiseta especial da campanha Operação Lei Seca de Carnaval. Ao final da ação, a previsão é de que 250 passageiros tenham aproveitado o passeio no equipamento.

"Com o horário de verão, será possível aproveitar a vista também durante o dia. É realmente para curtir o clima de festa e trazer a sociedade pra dentro do balão, para se sentir integrante da Lei Seca ajudando a disseminar a mensagem da campanha de não beber e dirigir", afirmou o coordenador da Operação Lei Seca, major Marco Andrade.

Lagoa

Na Lagoa Rodrigo de Freitas, oito bóias iluminadas, com 5 metros de diâmetro e feitas de lona plástica, permanecerão flutuando em diferentes pontos o espelho d'água, próximas às avenidas Epitácio Pessoa e Borges de Medeiros, a partir de 16/02 (quinta-feira) até 23/02 (quinta-feira).  No mesmo período, também serão instalados ao longo das orlas de Copacabana, Ipanema e Leblon, 16 blimps com 3 metros de diâmetro, que serão amarrados aos postes da cidade. A ação de conscientização também será promovida no Sambódromo, junto aos foliões. Dentro da Praça de Shopping, será instalado um quiosque onde agentes da Operação Lei Seca e cadeirantes informarão sobre os perigos da combinação álcool e direção.

Fiscalização reforçada

No período de Carnaval, a fiscalização também será intensificada e todo o efetivo estará mobilizado para combater a imprudência dos motoristas ao volante. 

Entre os dias 17 e 26 de fevereiro, 200 agentes, entre funcionários da Secretaria de Governo, da Polícia Militar e do Detran, estarão nas ruas, divididos em sete equipes para cada dia. No total, serão feitas 76 blitzes, todas realizadas no período noturno.

Para o major Marco Andrade, a fiscalização é importante para que acidentes sejam evitados e as vidas, preservadas. 

“As pessoas podem beber, podem se divertir, podem comemorar, mas precisam se preocupar na forma com que vão voltar pra casa. Não podem dirigir depois de ingerir álcool. Nossos agentes vão passar essa mensagem", afirma o major.

Balanço

Lançada em 19 de março de 2009 pela Secretaria de Estado de Governo, com o objetivo de reduzir os acidentes de trânsito, a Operação Lei Seca abrange os bairros da capital e municípios da Região Metropolitana e da Baixada Fluminense. Os motoristas são abordados em blitzes nas ruas e passam pelo teste do etilômetro para medir o teor de álcool no sangue.

Desde o início da campanha até a madrugada deste sábado (11/02), 674.181 motoristas foram abordados, 122.733 foram multados, 30.073 veículos foram rebocados e 54.062 motoristas tiveram a carteira de habilitação apreendida. 

Os agentes realizaram 609.428 testes com o etilômetro. Desse total, 5.315 condutores sofreram sanções administrativas e, 1.938 criminais.

Serviço de Carnaval

Ações de conscientização nos blocos – “homens-balão”:

11 de fevereiro - sábado- Simpatia é quase amorConcentração: Teixeira de Melo, praça General OsórioHorário: 16h

12 de fevereiro – domingo- Suvaco de CristoConcentração: Rua Jardim Botânico, esquina com rua FaroHorário: 9h

17 de fevereiro – sexta-feira- As CarmelitasConcentração: Rua Dias de BarrosHorário: 15h

18 de fevereiro – sábado- Dois pra lá dois pra cáConcentração: Casa de Dança Carlinhos de Jesus, na rua Álvaro RamosHorário: 10h- Empolga às 9Concentração: Avenida Atlântica com Avenida Rainha ElizabethHorário: após o bloco Dois pra lá dois pra cá

19 de fevereiro – domingo- BangalafumengaConcentração: Avenida Infante Dom Henrique, em frente ao Coreto ModernistaHorário: 10h

20 de fevereiro – segunda-feira- Se não quiser me dá me emprestaConcentração: Avenida Vieira Souto em frente ao posto 10Horário: 16h- Banda AtlânticaConcentração: Avenida Atlântica esquina com Constante RamosHorário: 18h