Van roubada da Marinha era usada em transporte pirata

JB Online

RIO - A fiscalização do Departamento de Transportes Rodoviário (Detro) flagrou, na manhã desta sexta-feira, uma van fazendo a linha Sepetiba-Coelho Neto, cuja numeração do chassi corresponde a um veículo roubado da Marinha do Brasil, na área da 1ª DP (Praça Mauá).

O flagrante aconteceu em Coelho Neto, na Zona Norte do Rio, e o motorista do veículo foi conduzido à 40ªDP (Rocha Miranda), onde o caso foi registrado. A van circulava com as cores do transporte complementar autorizado pelo município do Rio.

Os fiscais do Detro desconfiaram de alguma irregularidade quando o condutor do veículo, Wagner de Castro e Silva, ao ser parado na blitz, alegou não ter qualquer documento. A partir da checagem da placa com a qual o veículo trafegava, KVL-3491, ficou constatado que a mesma pertencia a uma van autorizada para o transporte municipal, mas que esta não correspondia à licença pintada na carroceria.

A partir daí, foi verificado o número do chassi, e se descobriu que este era referente a um terceiro carro. Diante das irregularidades constatadas, veículo e motorista foram conduzidos à delegacia, onde ficou apurado que o chassi era referente a um viatura da Marinha do Brasil, que consta como roubada no Cadastro Nacional de Veículos.