Eduardo Paes: a integração como trunfo para crescer

Cláudia Dantas, JB Online

RIO - Carioca, 38 anos, formado em Direito pela PUC, casado, pai de um casal de filhos, Eduardo Paes ingressou na vida pública bem jovem, aos 23 anos, como subprefeito da Barra e de Jacarepaguá, cargo que deu projeção política ao então pupilo do atual prefeito Cesar Maia.

Os dois se distanciaram, e hoje o candidato à prefeitura pelo PMDB-RJ conta com apoio total e irrestrito do governador do Estado, Sérgio Cabral, além da chancela do presidente da República, Luís Inácio Lula da Silva, à sua candidatura.

Para Paes, estas relações concedem a ele certa vantagem em relação aos outros candidatos. Além disso, a prefeitura não pode ficar isolada do mundo, precisa interagir em todas as esferas.

É fundamental que a prefeitura deixe de ser uma trincheira política e que não gerencia o interesse da população destaca. Precisamos atuar conjuntamente, intensificar a parceria, para poder tocar temas essenciais como saúde e segurança pública.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais