Chico Alencar critica gastos elevados em campanhas

JB Online

RIO - O candidato do PSOL à prefeitura do Rio, Chico Alencar, começou a campanha com uma aula de história da cidade no monumento a Estácio de Sá, no Aterro do Flamengo, depois encontrou-se com o coordenador nacional do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), João Pedro Stelide, na Cinelândia. O deputado federal manifestou o seu apoio ao MST.

Chico Alencar criticou a previsão de gastos das campanhas, que segundo ele, não deveriam ultrapassar a quantia de R$ 400 mil. O candidato do PSOL atacou também os candidatos que têm ligações com igrejas e propôs que as instituições religiosas promovam debates políticos.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais