Jornal do Brasil

Rio - Niterói

Sequestrador acompanhou pela TV

Durante as negociações, ele não permitiu que a polícia desligasse o aparelho

Jornal do Brasil

O homem que sequestrou um ônibus da empresa Galo Branco, na pista sentido Rio da Ponte Rio-Niterói, na manhã desta terça-feira (20), usou um monitor de TV que existe dentro do veículo para acompanhar a repercussão na imprensa do seu ato. 

Durante as negociações, ele não permitiu que a polícia desligasse o aparelho. Após 3h30 do cerco, ele foi morto por um atirador, de acordo com a PM.