Jornal do Brasil

Rio

Rio inaugura centro cirúrgico e amplia vagas para castrações gratuitas de cães e gatos

FolhaPress LÍVIA MARRA

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Prefeitura do Rio de Janeiro inaugurou nesta segunda-feira (12) um centro cirúrgico veterinário em Santa Cruz, zona oeste e, com isso, vai oferecer mais mil vagas para a castração gratuita de cães e gatos.

Segundo a administração municipal, com as novas vagas, a Vigilância Sanitária poderá fazer até 2.500 cirurgias por mês. Na rede particular, a castração de um cão custa cerca de R$ 800, e a de um gato, R$ 500.

No novo centro, os animais terão anestesia inalatória e local para o pré e o pós-operatório.

Para conseguir uma vaga, o tutor deve ir pessoalmente fazer a inscrição —são até três animais por CPF.

Segundo a prefeitura, até o início do processo online, o agendamento deve ser feito no IJV (avenida Bartolomeu de Gusmão, 1.120, São Cristóvão) e no CCZ (largo do Bodegão, 150, Santa Cruz), de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h.

Cadelas devem ser levadas no dia do agendamento porque precisam ser submetidas a exames pré-operatórios. Cães machos e gatos dos dois sexos não precisam ir ao agendamento.

“A castração faz parte da posse responsável, e o dono precisa entender isso e levar essa questão a sério. Castrar é também um ato de amor”, afirma a médica-veterinária Patrícia Nuñez, coordenadora de Zoonoses da Vigilância do Rio.

 

MITOS E VERDADES

A prefeitura elaborou uma lista de mitos e verdades sobre castração. Confira:

 

MITOS E VERDADES SOBRE CASTRAÇÃO

– A cadela não precisa cruzar uma vez antes da cirurgia. Quanto antes a castração melhor para a saúde do animal.

– Acasalar não tem ligação com melhoria do comportamento do animal.

– A cirurgia é simples e rápida, e o animal é liberado no mesmo dia.

– A castração não é a causa da engorda do animal.

– A fêmea castrada não entra mais no cio, o que evita a agressividade por excitação sexual constante e elimina a gravidez psicológica, uma das causas da infecção das mamas.

– Machos precisam ser castrados tanto quanto fêmeas, pois procedimento evita tumores de próstata e testículos.