Jornal do Brasil

Rio

Obituário: Mário Augusto Jakobskind, 74

Jornal do Brasil

O jornalista e escritor Mario Augusto Jakobskind, de 74 anos, morreu ontem, no Rio de Janeiro. O velório será hoje, a partir das 10 horas, na Capela 1 do Cemitério São João Batista, e o enterro será às 15 horas.

Mario Augusto Jakobskind dedicou a sua vida profissional ao jornalismo e às lutas sociais. Ele integrava o conselho político e editorial do jornal “Brasil de Fato”, desde 2003, onde também era colunista.

Macaque in the trees
Mário Augusto Jakobskind, 74 (Foto: Reprodução)

No início das suas atividades jornalísticas, Mario Augusto trabalhou no departamento de pesquisa do JORNAL DO BRASIL, em 1969, e em seguida foi colaborador de “O Pasquim” e redator e editor, no Rio de Janeiro, da revista “Versus”, a primeira publicação latino­-americana publicada no Brasil.

Ao longo da carreira, passou pela redação de jornais e agências de notícias, como a “France Presse”, “Folha de S. Paulo” e “Tribuna da Imprensa”.

Em sua profissão, Mario Augusto lutou contra a ditadura militar, e especialmente, pela difusão de conhecimentos sobre a América Latina, em uma perspectiva de união dos povos e pela soberania da região. Por conta desta relação, trabalhou na Agência Cubana de Notícias, em Cuba.

Mario Augusto escreveu diversos livros, entre eles “A hora do terceiro mundo”, publicado em 1982, e o mais recente “América que não está na mídia”, de 2005. Também travou luta sindical na Associação Brasileira de Imprensa (ABI) e no Sindicato dos Jornalistas do Rio de Janeiro (Sindijor-RJ). O jornalista faria 75 anos em 16 de outubro.



Recomendadas para você