Odair Santos leva prata nos 5.000m T11, e conquista primeira medalha do Brasil

Queniano arranca na reta final para ficar com o ouro

O Brasil abriu os Jogos Paralímpicos conquistando medalha já no primeiro dia de disputas. Quem foi o responsável por abrir a contagem para o Time Brasil foi o velocista Odair Santos, que conquistou a medalha de prata nos 5.000m da classe T11. O brasileiro estava na frente até próximo do fim, quando o queniano Samuel Kimani deu um sprint na reta final e ultrapassou Odair. Outro queniano, Wilson Bill completou o pódio.

>> Recurso pode dar ouro para Odair Santos nos 5.000m T11

Com a prata, Odair Santos subiu pela oitava vez no pódio em edições dos Jogos Paralímpicos. Em edições anteriores, o brasileiro competia na classe T12, para atletas com baixa visão, porém, desde 2010, Odair perdeu completamente a visão devido uma retinose pigmentar, que o afeta desde os 9 anos.

O velocista brasileiro volta às pistas do Estádio Olímpico do Engenhão no próximo dia 12, para a final dos 1.500m T11. Odair é o atual campeão mundial da prova e medalha de prata nos Jogos de Londres, em 2012.