Ginástica masculina e 100 metros rasos dão mais duas medalhas de ouro ao Brasil

Rosângela Santos conseguiu nesta terça-feira, nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, um feito que só Esmeralda Garcia realizou no Pan de Caracas, em 1983, para o atletismo feminino brasileiro: a medalha de ouro na prova dos 100 metros rasos. Com o tempo de 11 segundos e 22 décimos, ela deixou para trás a americana Barbara Pierre (11s25) e Shakera Reece, de Barbados (11s26).

Também ontem, a equipe brasileira, formada por Francisco Barreto, Petrix Barbosa, Péricles Fouros, Diego Hypolito, Arthur Zanetti e Sérgio Sasaki, ganhou o ouro na ginástica artística. Eles conseguiram somar 346,100 pontos após competirem nos seis aparelhos exigidos pela prova.

Além disso, o Brasil está na final do torneio de futebol feminino. As brasileiras conseguiram vencer as mexicanas por 1 a 0, em um partida muito disputada. O gol da seleção brasileira foi marcado pela lateral Maurine aos 34 minutos do segundo tempo.

No vôlei masculino, o Brasil venceu a seleção de Porto Rico por 3 sets a 0. Amanhã (26), às 23h (horário de Brasília), a seleção enfrenta os Estados Unidos, em seu principal desafio nesta fase em busca da medalha de ouro no Pan.

Com os resultados, o Brasil chega a 29 medalhas de ouro e está em segundo lugar no quadro de medalhas do Pan, superado apenas pelos Estados Unidos. Com 20 medalhas de prata e 32 de bronze, o Brasil soma 81, no total, enquanto os Estados Unidos têm 173 (64 de ouro, 60 de prata e 49 de bronze).