Michelle Bolsonaro diz que ela e filhas testaram negativo para COVID-19

A primeira-dama Michelle Bolsonaro anunciou neste sábado (11) por meio do Instagram que o teste de coronavírus dela e de suas duas filhas deram negativo.

Macaque in the trees
Michele Bolsonaro (Foto: AP Photo / Eraldo Peres)

Na última terça-feira (7), o presidente Jair Bolsonaro divulgou que tinha sido infectado pelo novo coronavírus. De acordo com o chefe de Estado, ele decidiu realizar o teste após sentir sintomas de gripe, como febre e dores no corpo.

Na coletiva em que anunciou estar com a COVID-19, na qual tirou a máscara para falar com a imprensa, Bolsonaro disse que seu estado de saúde era bom. Ele aproveitou para defender o uso cloroquina e afirmou que estava se tratando com o medicamento, que não tem eficácia comprovada pela ciência.

Na quinta-feira (9), a Secretaria de Comunicação da Presidência disse que o quadro de Bolsonaro está evoluindo bem.

Após Bolsonaro divulgar que tinha sido infectado, Michelle e as filhas realizaram o teste. Segundo imagem postada no stories do Instagram, a primeira-dama fez o exame PCR, considerado o mais eficaz para detectar a contaminação pelo vírus.

Ninguém que teve contato com Bolsonaro testou positivo

O presidente convive com a mulher, a filha e a enteada, fruto de relação anterior de Michelle, no Palácio da Alvorada. Os ministros e autoridades que tiveram contato com Bolsonaro nos dias que antecederam o diagnóstico também realizaram exames para a doença. Ninguém testou positivo.

A avó da primeira-dama, Maria Aparecida Firmo Ferreira, de 80 anos, foi diagnosticada com COVID-19. Ela foi internada em um hospital do Distrito Federal em 1º de julho e teve que ser entubada.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais