Cunha diz que vai fechar delação premiada se família ficar mais exposta

O ex-presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, tem enviado recados para o Planalto, para o Congresso e também para ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ), avisando que pode fechar um acordo de delação premiada se sua família ficar mais exposta à Operação Lava Jato. As informações são do Painel da Folha de S. Paulo.

O TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região), em Porto Alegre, negou na sexta-feira (28) o habeas corpus pedido pela defesa do deputado cassado. 

O ex-deputado está preso na custódia da Superintendência da Polícia Federal no Paraná, em Curitiba, desde o dia 19 de outubro

>> PGR pode endurecer em eventual delação de Cunha

>> Cláudia Cruz é impedida pela justiça de repatriar recursos do exterior

>> Eduardo Cunha dirá em livro que impeachment foi golpe parlamentar

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais