Palocci teria US$ 348 milhões em conta em Miami

O ex-ministro Antonio Palocci teria US$ 348 milhões depositados em uma conta de um banco em Miami. Segundo informações do site "O Antagonista", a força-tarefa da Operação Lava Jato já teria sido informada. 

Ainda segundo "O Antagonista", "para chegar a Miami, os investigadores farão escala em Araçatuba."

Palocci foi preso durante a 35ª fase da Operação Lava Jato, no dia 26 de setembro. Na ocasião, o juiz federal Sergio Moro decretou o bloqueio de bens de Palocci e de outros acusados até o valor de R$ 128 milhões. Segundo o magistrado, esse é o montante indicado em planilha da Odebrecht que supostamente registra os valores de propina que estavam sob a gestão do ex-ministro –desse total, Palocci teria recebido R$ 6 milhões.

>> Ministro do STJ nega pedido de liberdade a Palocci e ex-assessor

Os valores bloqueados em nome de Palocci e da empresa dele, a Projeto Consultoria Empresarial, chegaram a um total de R$ 61,7 milhões. Deste valor, R$ 31 milhões estavam em aplicações financeiras.