Lava Jato: Justiça nega segundo habeas corpus de Fernando Baiano

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região negou o segundo pedido de liberdade de Fernando Antônio Falcão Soares, conhecido como Fernando Baiano, preso na Operação Lava Jato. Seu advogado alega que as provas são fracas, já têm como base depoimentos de presos na investigação. A defesa solicitou revogação da prisão preventiva, decretada na outra sexta-feira (21) pelo juiz Sérgio Moro.

O desembargador federal João Pedro Gebran Neto, relator do caso Lava Jato no tribunal, no entanto, afirma que a transformar a prisão cautelar em preventiva não é ilegal, levando em conta que se trata de "grupo criminoso de incontável capacidade financeira e havendo registro de tentativa de cooptação de testemunha ou de influenciar na instrução criminal".

>> Paulo Roberto Costa presta depoimento em casa, no Rio

>> Advogadas pedem liberdade a Adarico Negromonte