Comissão de Memória e Verdade entrega relatórios à Universidade de Brasília

A Comissão Anísio Teixeira de Memória e Verdade da Universidade de Brasília (UnB) recebe hoje (28) às 10h30, no Centro de Estudos Avançados Multidisciplinares, relatório da Comissão de Anistia. O objetivo é apoiar a investigação sobre a atuação de estudantes, funcionários e professores durante a época da ditadura.

O resultado da investigação será enviado à Comissão Nacional da Verdade para a apuração de graves violações de direitos humanos praticadas no país. O relatório apresenta informações sobre a militância política dos anistiados, os tipos de atos de exceção cometidos, o ano de ocorrência, os autores e as instituições envolvidas.

No total, foram analisados oito processos de perseguidos políticos que tinham vínculo com a UnB. Quatro eram estudantes e funcionários e quatro eram somente estudantes. Em relação à militância, todos participavam do movimento estudantil – dois militavam no Partido Comunista Brasileiro, um na Organização Revolucionária marxista Política Operária, um no Partido Operário Revolucionário Trotskista e outro na Ação Popular.