Aeroporto de Brasília pode operar até 52 aeronaves por hora

A capacidade de operação  do sistema de pista do Aeroporto Internacional de Brasília passou de 44 aeronaves por hora para 52 aeronaves por hora. Com a mudança, que começou a ser implementada no início do mês, o terminal torna-se o aeroporto com maior capacidade de pista do Brasil e pode fazer até um voo a cada intervalo de 1 minuto e 9 segundos nos horários de maior movimento.

A autorização foi concedida pelo  Centro de Gerenciamento de Navegação Aérea (CGNA), depois de fazer estudos observando as condições de operação das pistas do aeroporto, como qualidade, visibilidade em situações meteorológicas adversas, tempo de ocupação, capacidade de pátio, direção do vento e a categoria das aeronaves. Segundo a Inframerica, concessionária que administra o terminal, o acréscimo de oito novos voos por hora vai significar um crescimento de até 8 mil passageiros a mais todos os dias, considerando a média de movimentação do aeroporto.

O aeroporto já estava operando na sua totalidade em horário de pico, nos períodos de 7h às 12h e de 17h às 22h30, de acordo com a Inframerica. Com esse incremento no número de operações por hora, empresas aéreas estão procurando o aeroporto de Brasília para negociar novos pedidos de voos e a projeção é que, até o final do ano, existam mais opções de horários para diversos destinos no país. Desde o início do ano, mais de 14 milhões de usuários utilizaram o terminal como ponto para desembarque, embarque e conexão.