Apenas 18% da classe média brasileira paga aluguel

A tão esperada casa própria é cada vez mais real para a classe média brasileira, 54% da população

A tão esperada casa própria está ficando cada vez mais real para milhões de brasileiros da classe média, que representa 54 % dos domicílios do Brasil. De acordo com pesquisa realizada pelo Instituto Data Popular no final de 2012, divulgada nesta segunda-feira (18), apenas 18 % das famílias classificadas como classe média – aquelas com renda mensal entre R$ 1.100 e R$ 3.875, segundo os critérios da Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência da República – pagam aluguel atualmente.

A pesquisa revela que cerca de 7,9 milhões de famílias de classe média pretendem comprar um imóvel dentro do período de dois anos. Desse total, oito em cada dez famílias, caso concretizem o desejo da compra da casa própria, o farão utilizando linhas de financiamento habitacional. Segundo o Data Popular, o restante deverá pagar à vista com recursos próprios ou adquiridos por meio de consórcios.

“Esse desejo de compra não significa apenas que a classe média esteja interessada em sair do aluguel. Boa parte dos que querem adquirir um imóvel é formada também por recém casados que vivem com os pais e sogros, por exemplo”, afirma o sócio-diretor do Data Popular, Renato Meirelles.

De acordo com dados da Pesquisa Nacional por Amostragens de Domicílios (Pnad), do IBGE, 75% dos imóveis ocupados por famílias de classe média são comprados, 18% são alugados e 7% foram cedidos por terceiros.

“Cinco em cada dez domicílios brasileiros são ocupados por pessoas da classe média. Apesar de muita gente achar que as residências e apartamentos seriam alugados, a esmagadora maioria deles, representados por 75%, é de propriedade desta parcela da população”, ressalta o sócio-diretor do Data Popular.

Nordeste: maior número de casas próprias

Segundo o levantamento do Data Popular, a região Nordeste é a que possui o maior número de famílias morando em casas próprias. Lá, são 80 % de famílias de classe média que vivem em domicílios comprados. Neste quesito, depois do Nordeste, vêm empatadas as regiões Norte e Sul, ambas com 78%; Sudeste, com 74%; e, por último, Centro Oeste, com 62% de famílias em casa próprias.

Por outro lado, a classe média da região Centro Oeste é que apresenta a maior proporção de casas alugadas (28%)e cedidas (10%). Mesmo assim, na região, seis em cada dez domicílios são de propriedade dos seus ocupantes. Depois, vem o Sudeste, com 18% de imóveis alugados e 8% cedidos; Sul, com 15% alugados e 7% cedidos; Nordeste, com 15% alugados e 5% cedidos; e Norte, com 14% de domicílios alugados e 8% cedidos.

*Do Programa de Estágio do Jornal do Brasil