BA: aluna esfaqueou colega por motivo fútil, diz delegada

Uma aluna do Colégio Estadual Professor David Mendes Pereira, no bairro de Colinas de Pituaçu, em Salvador, esfaqueou uma colega dentro da escola na manhã desta terça-feira, após uma discussão. Segundo a delegada da Delegacia do Adolescente Infrator (DAI), Claudenice Mayo, a briga foi por motivo fútil.

"Elas alegaram que não foi por ciúmes ou envolvimento com algum tipo de namorado. Eram amigas e se desentenderam, passaram a fazer ofensas uma com a outra e com olhares de maneira de que não se gostavam", disse Claudenice.

A briga causou grande confusão e corre-corre na escola. Professores e alunos chegaram a se trancar dentro das salas de aula pensando que pudesse se tratar de um ataque ao colégio. A Polícia Militar, que trabalha nas rondas escolares da região, foi a primeira a chegar após a agressão e constatar o problema. A vítima precisou ser levada a uma Unidade de Pronto Atendimento por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Segundo a delegada, as duas adolescentes não devem trocar de colégio. "As mães delas são amigas e disseram que não tinha a possibilidade de sair da escola, pois senão perderiam o ano". Sobre as consequências, Claudenice completou. "Provavelmente terão uma medida socio-educativa no Ministério Público, para onde serão encaminhadas amanhã."

As meninas cursam o 2º ano do Ensino Médio, mas são de classes diferentes. Entretanto, moram na mesma rua, segundo a delegada da DAI. Na briga, a estudante foi golpeada com uma peixeira e, apesar da seriedade do ferimento, foi atendida e classificada como fora de perigo pelos médicos.