Ator enforcado pode ter usado equipamento de bombeiro, diz delegado 

O ator Thiago Klimeck, que se enforcou acidentalmente enquanto interpretava o personagem Judas no espetáculo da Paixão de Cristo, em Itararé (SP), estaria usando um equipamento do Corpo de Bombeiros, segundo a Polícia Civil da cidade. O delegado José Vitor Bacetti afirmou que, se for confirmada a informação, a corporação terá de prestar esclarecimentos.

"Vamos querer saber se para usar o cinto ou o colete ele necessitava de um conhecimento mais técnico. Se o objeto pertence mesmo à instituição, como ele foi cedido?", questionou Bacetti. O delegado ressaltou, porém, que a causa do enforcamento provavelmente foi um cadarço utilizado pelo ator, o que isentaria a culpa dos bombeiros.

"Em tese, um cadarço que amarrava a capa que ele usava é que o enforcou. Ele pode ter prendido de uma forma que veio a soltar ou apertar o nó. Aguardamos mais detalhes do médico legista e do Instituto de Criminalística", disse Bacetti. A polícia trabalha apenas com a hipótese de acidente.

Thiago Klimeck foi encontrado desacordado na noite de sexta-feira, de acordo com informações da Guarda Municipal. Ele foi encaminhado a um hospital do município em estado grave, mas não corre risco de vida. O ator teria se confundido com os nós da corda no cenário e foi socorrido pela equipe da peça.

Conforme a polícia, Klimeck foi encaminhado para a Santa Casa do município após passar cerca de quatro minutos desacordado. Na manhã de sábado, ele foi transferido para um hospital em Itapeva (SP), ainda em estado grave, mas apresentou melhoras.