Lei Geral da Copa será votada na Câmara ainda este ano, diz Vaccarezza

Brasília - O governo espera votar a Lei Geral da Copa ainda este ano na Câmara. A ideia é que a votação seja concluída, no Senado, em fevereiro de 2012. A informação é do líder do governo na Câmara, Cândido Vaccarezza (PT-SP).

“O ministro (do Esporte) Aldo Rebelo me ligou pedindo celeridade. Me interessa um acordo para votar sem obstrução, sem guerra, porque já brigamos demais este ano”, disse.

A Lei Geral da Copa resume os compromissos que o Brasil fez com a Federação Internacional de Futebol (Fifa) para sediar a Copa em 2014.

Outras propostas consideradas prioridade pelo governo são a proposta que cria o Fundo de Pensão dos Servidores Públicos Federais (Funpresp) e a que altera as cotas de participação do Brasil no Fundo Monetário Internacional (FMI). “Royalties deverá ficar para o primeiro semestre do ano que vem”, completou o líder.

Quanto ao Código Florestal, Vaccarezza afirmou que vai defender a votação da matéria na Câmara tão logo ela seja aprovada no Senado. “Votou lá, vota aqui ainda este ano”, disse.