SP: PF investiga policiais civis que usavam GPS para extorsão

Portal Terra

SÃO PAULO - Pelo menos quatro policiais civis de São Paulo são investigados pela Polícia Federal (PF) por suspeitas de integrarem uma quadrilha que instala aparelhos de GPS em caminhões que circulam com mercadorias contrabandeadas no Estado. Segundo a PF, o objetivo seria extorquir dinheiro dos donos dos veículos. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

Os policiais foram flagrados em escutas telefônicas autorizadas pela Justiça Federal combinando abordagens contra caminhões carregados de cigarros, eletroeletrônicos e agrotóxicos. Segundo a PF, a partir do carregamento da carga, o GPS era acionado e os integrantes da quadrilha monitoravam os caminhões que pretendiam atacar em tempo real, com a utilização de computadores. Assim que os veículos entravam no Estado de São Paulo, os policiais eram mobilizados para ir com carros oficiais atrás das cargas.