PF e Receita cumprem mandados em SP, BA e MG em 2ª fase da Operação "E o Vento Levou"

A Polícia Federal e a Receita Federal deflagraram nesta quinta-feira uma segunda fase da operação "E o Vento Levou", que investiga possíveis desvios de recursos da estatal mineira Cemig por meio da controlada de geração eólica Renova Energia.

Estão sendo cumpridos oito mandados de busca e apreensão em residências, empresas e escritórios dos investigados e de pessoas a eles relacionadas, segundo comunicado das autoridades, com ações nos Estados de São Paulo, Bahia e Minas Gerais.

Lançada em abril, a operação policial denunciou possível desvio de 40 milhões de reais da Cemig por meio de contratos superfaturados e falsos da Renova Energia.

Procurada, a Cemig não comentou de imediato. Não foi possível contato com representantes da Renova Energia

(Por Luciano Costa)