Damares diz que ainda não pretende fazer alterações na Funai

A futura ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, disse nesta quinta-feira, 13, que ainda não pretende fazer alterações na Fundação Nacional do Índio (Funai) e sinalizou que vai manter o atual presidente, Wallace Moreira Bastos, no comando da autarquia até a posse.

"A Funai será recebida como está. Se tiver que fazer modificações na Funai serão lentas e graduais", disse a ministra no centro de transição do governo.

>> Bolsonaro sai em defesa de Damares: 'Surreal e extremamente vergonhoso'

Macaque in the trees
Damares Alves (Foto: Arquivo/Valter Campanato/Agência Brasil)

Damares disse que quer anunciar os nomes que irão compor a sua equipe quando todos estiverem definidos, mas sinalizou que não vai trocar o comando da fundação por enquanto.

"Eu estou trabalhando nesse sentido (manter o comando interinamente), (vou) trabalhar a Funai depois com calma. Me parece que o atual presidente é uma pessoa muito sensata, muito centrada. Acho que vai dar para fazer uma transição legal."