Mercado Agora – Resultados abaixo do esperado nos EUA

O índice de preços dos gastos com consumo pessoal dos Estados Unidos no segundo trimestre deste ano foi revisado para queda de 0,1%, em comparação com a leitura anterior de estabilidade, informou o Departamento do Comércio.

Ainda nos Estados Unidos, o número de trabalhadores que entraram pela primeira vez com pedido de auxílio-desemprego caiu para 305 mil, na semana até 21 de setembro. O resultado ficou abaixo da previsão de 325 mil.

O índice de atividade industrial do Federal Reserve de Kansas City caiu para 2 pontos em setembro, ante 8 pontos em agosto, quando havia registrado a melhor leitura desde fevereiro de 2012.  Os resultados acima de zero indicam expansão da atividade.

O Produto Interno Bruto dos EUA cresceu a uma taxa anual de 2,5% no terceiro trimestre, de acordo com a terceira e última estimativa do Departamento do Comércio. O cálculo ficou  igual ao anunciado há cerca de um mês, mas se mantém acima da primeira estimativa, que era de expansão de 1,7%. O dado ficou abaixo da previsão dos analistas, que esperavam uma revisão para cima da taxa de expansão, para 2,6%.

No Brasil, a taxa de desemprego apurada pelo IBGE nas seis principais regiões metropolitanas do País ficou em 5,3% em agosto, ante 5,6% em julho e 6% em junho deste ano.O resultado ficou abaixo da estimativa de 5,6%.