JMJ: Palácio São Joaquim se prepara para a oração do Angelus Domini

Fiéis e jornalistas de todas as nacionalidades se posicionam em frente Palácio São Joaquim, residência do arcebispo do Rio, dom Orani Tempesta, na Glória, para assistir a oração do Angelus Domini, que será celebrada pelo Papa Francisco ao meio-dia, com acontece diariamente na Praça São Pedro, no Vaticano. 

O primeiro Papa latino vai protagonizar um momento inédito no Brasil: a celebração do Angelus (preces as Aves Marias) em praça pública no Rio de Janeiro.

A sacada do palácio está pronta, aguardando a presença do Pontífice. Funcionários fazem os últimos ajuste no sistema de som.

Oitenta e seis peregrinos de Brasilia, Distrito Federal, vieram direto do aeroporto para a celebração. A estudante Jayne Silva, de 19 anos, acredita que o momento é de união. "Escutamos o tempo todo notícias de violência pelo mundo, isso é muito ruim. Temos que aproveitar a jornada para unir os jovens de todas as nacionalidades em favor da paz", disse ela. 

O grupo de Brasilia trouxe faixas, cartazes de boas-vindas ao Papa Francisco. Ele prometem de agora em diante não "desgrudar do papa".