Primeiro-ministro da Malásia viaja a Pequim em busca de ajuda

O primeiro-ministro da Malásia, Mahathir Mohamad, pediu ajuda ao governo da China para resolver os problemas financeiros de seu país e voltar a negociar acordos bilaterais com o gigante asiático.

"Estou convencido de que a China estudará com benevolência os problemas que temos que resolver e, talvez, nos ajudará a solucionar alguns de nossos problemas orçamentários internos", disse o primeiro-ministro malaio durante uma entrevista coletiva conjunta com seu colega chinês Li Keqiang, durante uma visita oficial.

Mahathir, de 93 anos, se opõe a uma série de acordo bilaterais assinados entre empresas públicas chinesas e a administração de seu antecessor, seu adversário político Najib Razak, acusado de corrupção.

Após sua eleição em maio, o premier suspendeu alguns destes projetos, avaliados em 22 bilhões de dólares.

dly-lth/ehl/cac/eb/zm/fp