Presidente afegão declara trégua de três meses com talibãs

O presidente afegão, Ashraf Ghani, declarou neste domingo (19) um cessar-fogo de três meses com os talibãs, com a condição de que eles também interrompam os combates, em meio ao recente aumento da violência no país.

"Anuncio um novo cessar-fogo a partir de amanhã (segunda-feira) até o aniversário do profeta (em 21 de novembro), sob a condição de que os talibãs façam o mesmo", afirmou o chefe de Estado em um pronunciamento transmitido pela televisão.

Em junho, havia sido declarado um cessar-fogo de poucos dias, ao final da celebração do Ramadã, o mês do jejum sagrado muçulmano.

bur-emh-us-ds/jf/lpt/pb/age/tt