Chanceler e chefe do Estado-Maior russo vão a Israel tratar da Síria

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, anunciou a visita a Israel, nesta segunda-feira (23), do ministro russo das Relações Exteriores, Serguei Lavrov, e do chefe do Estado-Maior russo, Valeri Guerassimov, a qual será dedicada à Síria.

De acordo com nota divulgada por seu gabinete, Netanyahu afirmou que a visita foi organizada a pedido do presidente russo, Vladimir Putin, durante uma "conversa que (os dois líderes) tiveram há alguns dias".

As discussões tratarão, principalmente, da situação na Síria, país em guerra de 2011 e fronteiriço com Israel.

"Israel continuará agindo contra qualquer tentativa do Irã e de seus aliados de se implantar militarmente na Síria", disse o premiê.

A Rússia é um aliado do governo sírio de Bashar Al-Assad, assim como o Irã e o Hezbollah libanês, ambos rivais de Israel.

jlr/bpe/tt