Filme de Chazelle sobre primeiro homem a pisar na Lua abrirá Festival de Veneza

A história do primeiro homem a pisar na Lua, narrada no filme "First Man", do premiado diretor americano Damien Chazelle, inaugurará em 29 de agosto a 75ª edição do Festival de Veneza, informaram nesta quinta-feira os organizadores.

Chazelle, de 33 anos, que apresentou há dois anos em Veneza o musical vencedor do Oscar "La La Land: Cantando Estações", concorre de novo no prestigioso festival com a história do astronauta Neil Armstrong, protagonista de uma das missões mais perigosas da Nasa, interpretado pelo ator Ryan Gosling.

"É uma honra o convite de Veneza e me entusiasma voltar. É especialmente emocionante que esta notícia seja anunciada tão perto do aniversário de pouso na Lua. Não vejo a hora de levar o filme ao Festival", reconheceu Chazelle, que obteve seis Oscar com seu encantador La La Land.

"É um privilégio autêntico apresentar a estreia mundial do novo e esperado filme de Chazelle", declarou o diretor do Festival, Alberto Barbera.

O talentoso cineasta espera repetir a façanha de 2016, quando lançou em Veneza seu musical, mas esta vez relatando os preparativos do histórico voo espacial, os sacrifícios pessoais de Armstrong para dirigir a chegada do Apolo 11, em 20 de julho de 1969.

Trata-se de "um trabalho pessoal, fascinante e original, que surpreende em relação aos outros filmes épicos de nossos tempos e que confirma o talento de um dos diretores mais importantes do cinema atual dos Estados Unidos", reconheceu Barbera no comunicado.

O Festival de Veneza, que há vários anos seleciona um grande número de filmes americanos para a competição oficial, se tornou a melhor vitrine internacional para ganhar o Oscar, já que vários filmes lançados no festival italiano obtiveram a cobiçada estatueta.

O filme de Chazelle, que volta a trabalhar com Gosling, se inspira no livro homônimo de James Hansen e foi escrito por Josh Singer, vencedor do Oscar com Spotlight.

O cineasta, autor do elogiado filme "Guy and Madeline on a Park Bench", realizado quando estudava na universidade, está trabalhando em um drama musical para a Netflix e em uma série dramática para a Apple, que dirigirá.

kv/eg/db