Capturam na Colômbia segurança de equipe jornalística equatoriana assassinada

As autoridades da Colômbia capturaram neste sábado o suposto segurança dos integrantes da equipe de imprensa do jornal El Comercio de Quito assassinados em cativeiro por dissidentes da ex-guerrilha FARC, informou a procuradoria.

Jesús Vargas Cuajiboy, conhecido pelo codinome Reinel, foi capturado no município de Santander de Quilichao, no departamento de Cauca (sudoeste), informou o ente acusador no Twitter.

A procuradoria aponta Vargas como o "responsável" da custódia da equipe jornalística sequestrada e assassinado em cativeiro, e além de ser o quarto na linha de comando da Frente Oliver Sinisterra, liderada pelo ex-guerrilheiro das FARC Walther Arizala, conhecido como Guacho.

A equipe do "El Comercio" caiu nas mãos do grupo comandado pelo ex-guerrilheiro Walther Arizala, conhecido como Guacho, quando faziam uma reportagem na fronteira onde agem as facções de traficantes de drogas.

Os três foram assassinados em cativeiro na Colômbia, anunciou o governo equatoriano em 13 de abril. Os sequestradores pretendiam libertar pessoas próximas a Guacho presas no Equador em troca da libertação dos reféns.