Vice-presidente da Venezuela é incluída em lista negra da UE

A vice-presidente da Venezuela, Delcy Rodríguez, está entre as 11 autoridades venezuelanas, às quais a União Europeia (UE) impôs, nesta segunda-feira (25), as novas sanções acordadas após a recente eleição presidencial no país.

A lista inclui ainda a vice-presidente do Conselho Nacional Eleitoral, Sandra Oblitas, e seu secretário-geral, Xavier Antonio Moreno Reyes, os quais acusa de menosprezar "a democracia na Venezuela", conforme decisão publicada no Diário Oficial da UE.

tjc/ra/tt