Bernie Sanders tentará novo mandato no Senado americano

Bernie Sanders, o ex-candidato americano à presidência e senador independente de 76 anos, anunciou nesta segunda-feira que em novembro voltará a disputar uma vaga no Senado e prometeu manter sua feroz oposição ao presidente republicano Donald Trump.

"Se eu for reeleito, podem ter certeza que vou continuar sendo um feroz opositor no Senado ao extremismo de direita de Trump e à liderança republicana", tuitou o senador pelo estado de Vermont.

"São tempos terríveis e sem precedentes. Temos um presidente que não só é um mentiroso patológico, mas é alguém que está tentando ganhar votos dividindo nossa nação com base na cor da pele, nosso país de origem, nossa religião, nossa identidade ou nossa orientação sexual", acrescentou.

"Mas ser anti-Trump ou anti-republicano é insuficiente. Temos que continuar nossa luta por uma agenda progressista que desafie a oligarquia e melhore a vida dos trabalhadores em todo o país", prometeu Sanders.

O político buscará um terceiro mandato como senador em novembro de 2018 pelo estado do norte dos Estados Unidos, onde enfrentará séria oposição, segundo o site RealClear Politics, durante as primárias organizadas em agosto.

Os democratas esperam recuperar uma maioria no Senado nas eleições de meio de mandato em 6 de novembro. Os republicanos dipõem atualmente uma pequena maioria de 51 assentos de 100.

elc/vog/lp/tm/mr