Bomba da 2ª Guerra Mundial evacua 10 mil em Berlim

Estações de bondes, metrô e ônibus não operaram na região

Uma operação para desarmar uma bomba da Segunda Guerra Mundial, em Berlim, na Alemanha, provocou a evacuação de cerca de 10 mil pessoas nesta sexta-feira (20).

O artefato, de fabricação britânica, pesa 500 quilos e foi encontrado por um operador de escavadeira em um canteiro de obras na capital alemã.

O trabalho do esquadrão antibombas da Alemanha evacuou todas as residências localizadas em um raio de 800 metros do local do explosivo. Estações de bondes, metrô e ônibus da região também foram fechadas pelas autoridades.

"A bomba de 500 kg, que não explodiu na época, é um objeto bastante imponente, que, potencialmente, pode causar muitos danos em toda cidade. Por isso, estamos sendo muito prudentes, usando profissionais altamente qualificados", explicou Winfrid Wenzel, porta-voz da polícia alemã.

Após o final da Segunda Guerra Mundial, a maior evacuação na Alemanha por conta de uma bomba aconteceu na cidade de Frankfurt, em 2017, onde foi encontrado um artefato de 1,4 tonelada. Cerca de 65 mil pessoas precisaram deixar suas casas para a retirada do explosivo.

Segundo especialistas, somente na Alemanha, milhares de bombas do conflito já foram encontradas. Eles acreditam que ainda existam cerca de três mil artefatos explosivos escondidos no subsolo de Berlim.

No início de abril, em Bolonha, na Itália, 9,4 mil pessoas foram evacuadas de suas casas para as autoridades desarmarem uma bomba da Segunda Guerra Mundial encontrada na cidade.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais