Rainha Elizabeth II visita feridos de atentado terrorista

Monarca se dirigiu a um hospital de Manchester, na Inglaterra

A rainha Elizabeth II visitou nesta quinta-feira (25) um hospital onde estão os feridos do atentado terrorista em Manchester e disse que "foi um choque para todos, mas que o país permanecerá unido".

"É terrível ter feito de alvo um evento deste tipo", criticou a soberana, referindo-se ao show da cantora americana Ariana Grande na Manchester Arena na última segunda-feira (22), onde ocorreu o atentado à bomba reivindicado pelo grupo extremista Estado Islâmico (EI).

Até o momento, o balanço é de 22 mortos e 59 feridos, a maioria jovens e adolescentes que estavam no show acompanhados de familiares. O número de vítimas, porém, pode aumentar, já que muitas se encontram em estado grave.

A rainha Elizabeth II visitou 12 crianças e adolescentes internados no hospital central de Manchester e se reuniu com as equipes médicas do estabelecimento.