Em Roma, escolas são evacuadas após terremotos

Algumas escolas de Roma foram evacuadas por conta da série de terremotos que atingiu o centro da Itália na manhã desta quarta-feira (18). Em outras, os professores levaram os alunos para o pátio ou os colocaram debaixo das carteiras. A cidade também suspendeu a circulação do metrô.

    Já Renzo Di Sabatino, presidente da província de Teramo, na região de Abruzzo, fez um apelo por ajuda. "Há locais isolados pela neve, não conseguimos saber se há danos. Precisamos de ajuda, o Exército deve intervir", declarou, lembrando que já há cidades sem energia há dois dias por conta das nevascas. (ANSA)