'Washington Post': Polícia europeia desmantela máfia na França, Bélgica e Holanda

Polícia prendeu 36 pessoas, apreendeu ouro, cocaína, armas automáticas e milhões de euros

Matéria publicada nesta terça-feira (29) pelo Washington Post conta que a polícia prendeu 36 pessoas, apreendeu ouro, cocaína, armas automáticas e milhões de euros ao romper um cartel de drogas e lavagem de dinheiro operando entre o Marrocos e a Europa.

Segundo reportagem do Post os suspeitos e provas foram detidos na semana passada em batidas envolvendo cerca de 450 agentes em toda a França, Bélgica e Holanda. 

> > Washington Post European police arrest 36 breaking up drugs, money ring

De acordo com o noticiário a Europol disse que a quadrilha estava usando carros para transferir dinheiro das drogas vendidas na França para a Bélgica e à Holanda. A organização afirmou também que mais de um milhão de euros eram movimentados a cada mês. O dinheiro foi enviado para o Marrocos através do Oriente Médio usando "canais financeiros não-regulamentados".

O diário norte-americano acrescenta que as autoridades belgas disseram que até 400 milhões de euros de dinheiro de drogas foram transferidos entre cidades. O Ministério Público de Bruxelas disse que grandes somas foram enviadas através de Dubai e lavadas por empresas de fachada em Casablanca. A Europol informou que foram apreendidos um total de 5.5 milhões de euros em dinheiro, além de 800 mil euros de ouro, 20 quilos de cocaína e três armas semi-automáticas.

Somente na Bélgica, 11 batidas policiais, envolvendo quase 100 oficiais, arrecadaram quase 3 milhões de euros, sete veículos, 78 equipamentos de informática e duas armas de fogo. Sete pessoas foram detidas. 

Produtos de luxo como Louis Vuitton sacos e relógios Rolex também foram apreendidos, bem como quatro caixas de dinheiro em um local contendo 2.5 milhões de euros, finaliza The Washington Post.