Buscas por voo da Malaysia Airlines devem ser suspensas

Até hoje não se sabe o que aconteceu com o avião desaparecido

As buscas pelo voo MH370, da Malaysia Airlines, serão suspensas se novidades do caso não forem relatadas até o final da presente etapa da operação, informaram autoridades de Malásia, China e Austrália nesta sexta-feira, dia 22.    

Os ministros de Transportes dos três países explicaram, em comunicado, que as operações serão suspensas e não completamente encerradas. Eles não explicaram o que poderia fazer com que uma nova etapa da busca seja reiniciada, no entanto.    

"Os ministros reconhecem que, apesar do esforço de todos os que se envolveram, a probabilidade de encontrar a aeronave diminuiu", apontou nota.    

O voo desapareceu dos radares no dia 8 de março de 2014. Até o momento, alguns restos de avião foram considerados compatíveis com o modelo de aeronave. Mas o que ocorreu com o Boeing 777 e as 239 pessoas que estavam a bordo continua um mistério para os investigadores.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais