Irã prende navios dos Estados Unidos e tripulação no Golfo Pérsico

Kerry telefonou para Teerã, que prometeu libertar embarcações

Dois navios da Marinha dos Estados Unidos foram detidos pelas autoridades do Irã no Golfo Pérsico, informou o Pentágono nesta terça-feira (12). Ao todo, 10 tripulantes foram presos momentaneamente. 

"Hoje perdemos contato com dois navios norte-americanos que cobriam a rota entre Kuwait e Bahrein", disse uma fonte do Pentágono a agências internacionais. 

O governo dos Estados Unidos, porém, está tentando minimizar os efeitos do incidente, pois o Irã prometeu que liberará tanto as embarcações quanto os tripulantes imediatamente. 

O secretário de Estado norte-americano, John Kerry, telefonou ao Ministério das Relações Exteriores do Irã para explicar que a passagem dos navios pelo Golfo Pérsico foi um incidente, e não uma violação intencional das águas territoriais iranianas. 

Os dois países já passaram por anos de tensão nas relações diplomáticas, principalmente devido ao programa nuclear iraniano.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais