Suprema Corte dos EUA dá outra vitória a Obama em reforma de saúde

A Suprema Corte dos Estados Unidos autorizou nesta quinta-feira (25) a continuação dos subsídios federais para a aquisição de planos de saúde aos norte-americanos de baixa renda, medida prevista na polêmica reforma que ficou conhecida como "Obamacare".    

Uma das principais bandeiras do presidente Barack Obama, a reforma no setor de saúde garante subsídios a cerca de 6,5 milhões de pessoas.    

A Corte votou por seis votos a favor e seis contrários e determinou que todos que se beneficiam do seguro saúde através do site healthcare.gov têm o direito a uma redução de impostos como os demais contribuintes, independente do estado em que vivem.