Tsipras anuncia entrega de proposta a credores

Plano grego foi entregue ontem, de acordo com premier

O primeiro-ministro da Grécia, Alexis Tsipras, anunciou nesta terça-feira (2) que o país entregou ontem uma proposta aos credores europeus e internacionais. Sem dar detalhes do plano, o premier disse que a proposta é "realista" e contém medidas para tirar a Grécia da crise. "Agora a decisão cabe à liderança política da Europa", comentou. 

Na próxima sexta-feira (5), termina o prazo para a Grécia pagar uma parcela de 312 milhões de euros do seu empréstimo ao Fundo Monetário Internacional (FMI) e o país já adiantou que não sabe se conseguirá honrar as obrigações. Durante a madrugada, ocorreu em Berlim uma reunião de emergência entre a chanceler alemã, Angela Merkel, o francês François Hollande, a diretora do FMI, Christine Lagarde, o presidente do Banco Central Europeu (BCE), Mario Draghi, e o presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker. 

Eles tentam analisar a situação da Grécia e a possibilidade de conceder uma outra ajuda financeira ao país. As entidades europeias querem que Atenas adote medidas de austeridade e faça reformas no sistema, mas temem pressionar o governo de extrema-esquerda de Tsipras e fazer o país sair da zona do euro.