Atentado na Síria causa a morte de 18 pessoas 

Crianças são as maiores vítimas dos ataques

Um duplo atentado em Homs, na Síria, causou a morte de 18 pessoas nesta quarta-feira (01). Segundo a agência de notícias Sana e o Observatório Nacional de Direitos Humanos na Síria (Ondus), as "crianças" formaram a maior parte das vítimas.

    O ataque foi em uma área que tem maioria de membros fiéis ao governo de Bashar al-Assad, chamados de alauitas. Segundo as primeiras informações divulgadas pelos meios de comunicação do país, o objetivo dos "atentados terroristas", como a mídia local chama os rebeldes, era atingir "uma escola e um hospital no bairro Akrouma".

    Ainda de acordo com a mídia da Síria, os dois atentados teriam utilizado carros com explosivos em locais próximos aos alvos.

    Cerca de 40 pessoas ficaram feridas. Até o momento, nenhum grupo assumiu a autoria do ataque. (ANSA)