Mais 6 mortes são confirmadas após erupção no Japão

Com confirmações, sobe para 10 número de vítimas de tragédia

Mais seis mortes foram confirmadas, aumentando o total de vítimas da erupção do vulcão Ontake, no Japão, para dez, informaram autoridades locais.

    Forças de segurança evitam confirmar demais mortes antes de examinar os outros ao menos 26 corpos encontrados, apesar de não registrarem sinais de vida, com parada cardiorrespiratória.

    Erupção inesperada neste sábado, dia 27, surpreendeu cerca de 300 turistas que visitavam o local. Acredita-se que 40 pessoas, entre elas trabalhadores e turistas, encontravam-se no topo do vulcão quando ele entrou em erupção.

    De acordo com os últimos dados divulgados pela polícia japonesa, 63 pessoas ficaram feridas e ainda não se sabe ao certo o número de desaparecidos.

    Com seus 3.067 metros de altura, o vulcão é uma movimentada aérea turística, conhecido por ter uma subida relativamente fácil graças à presença de diferentes abrigos e um teleférico. A última grande erupção do Ontake aconteceu em 1979, seguida por outras duas de menor magnitude em 1991 e 2007. (ANSA)