Apartamento de Bento XVI é trancado até a chegada de novo papa

O porta-voz do Vaticano, padre Federico Lombardi, anunciou nesta sexta-feira que o vice-camerlengo Luigi Celata foi ao Palácio de Laterano para fechar o apartamento pontifício de Bento XVI. 

O apartamento foi trancado à chave e uma fita vermelha foi amarrada à porta.

Lombardi falou com o secretário de Bento XVI na manhã desta sexta-feira. O secretário disse que ele e o Santo Padre dormiram muito bem, falava com um tom bastante cordial, em um clima de serenidade e paz.

O secretário de Bento XVI disse que ele e o Papa Emérito viram alguns telejornais. Eles gostaram da boa apresentação que foi feita do momento intenso e emocionante da tarde de ontem.

Ontem à noite, o Papa Emérito fez uma caminhada noturna após o jantar, dentro do Palácio de Castel Gandolfo. Nesta sexta, Bento XVI deve passar o dia fazendo orações e reflexões, além de ter acesso às mensagens que recebeu.

À  tarde, deve fazer caminhadas nos jardins do Vaticano em Castel Gandolfo. Durante o inverno, a caminhada normalmente ocorre às 16 horas (horário local).

O padre Lombardi perguntou também ao secretário de Bento XVI se ele havia levado livros particulares para esse período. O monsenhor respondeu que ele disse que levou vários livros de teologia, espirituais e de história.

Na manhã desta sexta, houve uma missa às 7h (horário local), realizada normalmente em Castel Gandolfo.