Blogueira cubana é recebida com protestos no Recife e em Salvador

A blogueira cubana Yoani Sanchéz, que chegou nesta segunda-feira ao Brasil, enfrentou protestos nos aeroportos de Guararapes, no Recife, onde desembarcou após a meia-noite, e no Luís Eduardo Magalhães, em Salvador, onde chegou esta manhã. Cerca de 30 manifestantes da União da Juventude Socialista protestaram contra a presença de Yoani no país.

Segundo eles, a blogueira é financiada por uma nação estrangeira para atacar seu próprio país.

Após desembarcar em Salvador, ela seguiu de carro para a cidade de Feira de Santana, a cerca de 100 km da capital baiana, com o amigo e cineasta Dado Galvão, que a recepcionou no Recife. 

Em Feira de Santana, ela vai assistir ao documentário 'Conexão Cuba - Honduras', de Dado Galvão, no qual ela é uma das entrevistadas. O filme retrata questões como violação da liberdade de expressão e dos direitos humanos.

Na sua passagem pelo Brasil, Yoani participará de várias entrevistas e debates, além de tarde de autógrafos do livro "De Cuba com carinho". 

Após a visita ao país, a blogueira irá também para a República Tcheca, Espanha, México, Estados Unidos e Holanda.

Yoani, que é uma das principais vozes de oposição ao regime atualmente comandado por Raúl Castro, conseguiu viajar depois que o governo cubano extinguiu a exigência de permissão para a saída da população do país. A mudança entrou em vigor em 14 de janeiro. Ela recebeu seu novo passaporte no dia 30 de janeiro.