Concorrente do 'El País' diz ter recusado suposta foto de Chávez no hospital

A suposta foto de Hugo Chávez entubado publicada na capa da edição desta quarta-feira do jornal espanhol El País foi considerada "grotesca" pelo ministro das Comunicações da Venezuela, Ernesto Villegas. O diário reconheceu a falsidade da imagem e a retirou de sua versão online, além de interromper a circulação do jornal impresso.

"Tão grotesca quanto falsa a foto de 'Chávez entubado' publicada na primeira página do El País", escreveu Villegas em sua página no Twitter.

A imagem teria sido retirada de um vídeo publicado no Youtube no dia 6 de janeiro de 2008, com o título "incubação em acromegalia", não relacionado ao presidente venezuelano. Ainda que o sujeito em questão se pareça fisicamente com o mandatário sul-americano, na descrição do vídeo ele é identificado como "um homem de 48 anos", enquanto Chávez tem 58.

"O El País é um jornal confiável, mas é evidente que se equivocou e publicou uma falsa imagem de Chávez", declarou o historiador venezuelano Elías Pino.

Em sua página do Twitter, Pedro J. Ramirez, diretor do jornal El Mundo, afirmou que a foto lhe foi oferecida, mas se recusou a publicá-la sem apuração: "ontem nos ofereceram uma foto de Chávez entubado. Dissemos não. Como se vê, outro veículo aceitou", escreveu, enquanto a imagem ainda não havia sido retirada do ar pelo concorrente El País.